O excesso de informação e a falta de conhecimento

o-excesso-de-informacao-e-a-falta-de-conhecimento

O excesso de informação e a falta de conhecimento – Não basta conquistar a sabedoria : é preciso saber usá-la.

Estamos em uma era que atualizar-se é imprescindível. Há muita informação sendo produzida e o seu acesso é cada vez mais fácil.

Só que isto tem feito com que muitas pessoas se sintam na obrigação de estar sempre bem informadas gerando muita angústia e ansiedade, pois ficar por dentro de tudo é uma tarefa humanamente impossível.

A informação não é mais sinônimo de resolução de problemas e muitas vezes, pode virar até a causa deles. O excesso de informação pode ser tão ruim quanto à ignorância, dificultando a tomada de decisões e levando à paralisia

Conforme pesquisa divulgada nos Estados Unidos, os americanos consomem 34 Gigabytes de informações por dia.O estudo foi conduzido na Universidade da Califórnia, em San Diego, e analisou os hábitos dos americanos, com o intuito de quantificar o volume de dados recebidos de várias formas. TV, rádio, jornais, internet – tudo foi contado.

Segundo a pesquisa, os americanos consomem informação durante 12 horas de seus dias. O curioso (ou não) é que 60% das horas são gastas nos chamados meios tradicionais, como TV e rádio. Por outro lado, as pessoas passam, em média, duas horas na internet.

A pesquisa How Much Information?, na íntegra, pode ser lida aqui (em inglês).

 

O excesso de informação e a falta de conhecimento

 

Mas quanto dessas informações conseguimos realmente absorver?

Para não se perder, ou não se afundar diante deste tsunami de dados, as dicas são muito simples:

 

  • Descubra em você mesmo aqueles conhecimentos que lhe darão maior prazer.
  • Selecione as informações que lhe serão úteis e proveitosas, isto sim é um ato inteligente.
  • Tenha foco.

Como dizia Cícero, Filósofo, orador, escritor, advogado e político romano:

Não basta conquistar a sabedoria : é preciso saber usá-la.

 

O cérebro humano foi preparado para absorver um número limitado de informação por unidade de tempo. Mas o mercado de trabalho cada vez mais competitivo fez o homem desrespeitar os limites, indo além do que consegue dar conta.

Muita gente tenta, mas é impossível ouvir três músicas ao mesmo tempo.

Pense nisso.

Compartilhe
  


Um comentário em “O excesso de informação e a falta de conhecimento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *