Cercas de segurança eletrificadas

Cercas de segurança eletrificadas

Cercas de segurança eletrificadas – Como abrir uma empresa de Cercas elétricas de segurança

Com o aumento da violência urbana, a fabricação e a instalação de Cercas de segurança eletrificadas tornou-se uma boa oportunidade para quem quer abrir um negócio, já que elas são muito procuradas por condomínios.
O sistema de eletrificação é composto basicamente por um gerador de alta tensão, fios de aço inox e hastes para sustentar a cerca. O Brasil ainda não regulamentou a fabricação de cercas eletrificadas, mas é recomendável que o empreendedor siga as normas internacionais, pois o choque deve apenas afastar o invasor, e não feri-lo ou mantê-lo preso aos fios.
Para entrar no ramo não basta ser um eletrotécnico; é preciso ter conhecimento do mercado. Isso significa saber negociar boas parcerias com distribuidores e revendedores.
O suporte técnico deve ser rápido, o que exige profissionais competentes e uma definição racional dos roteiros de atendimento.

Investimento em equipamentos e instalações: R$ 90.000 (Máquina de solda, 2 osciloscópios, multímetro, máquina para cortar metais, injetora de plástico com moldes, bancadas, parafusadeira e outras ferramentas) Exige ainda: telefone, fax, utilitário e área de 100 m² .

Capital de giro: R$ 45.000 / Faturamento médio mensal: R$ 15.000
N° mínimo de pessoas trabalhando:4 (o dono, 1 montador, 1 vendedor e 1 auxiliar administrativo)
Risco: ALTO

Compartilhe
  


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *