Comércio de artigos para festas

Comércio de artigos para festas – Como abrir um comércio de artigos para festas

Em um comércio de artigos para festas são vendidos artigos como pratos, copos e talheres de plástico, guardanapos enfeitados, velas, bandejas de alumínio, forminhas para doces, balões coloridos e toalhas descartáveis, entre outros.
Uma loja especializada na venda de artigos para festas enfrenta concorrência no pequeno varejo, mas também de hipermercados e atacadistas.
O que diferencia uma loja da outra é a variedade de produtos e preços.
Para enfrentar a competição, o ideal é oferecer algo mais, como brindes e enfeites para decoração. Nesse caso, o comerciante pode adquirir kits para revender ou até fabricar as peças. A vantagem da fabricação própria é poder produzir enfeites sob encomenda para bufês, hotéis e empresas que alugam a decoração.
As vendas esquentam a partir de setembro, com picos em comemorações como Dia das Crianças, Halloween e festas de fim de ano.
Embora as lojas do ramo costumem formar uma clientela fixa no bairro em que estão instaladas, deve-se investir em anúncios em revistas especializadas.

Investimento em equipamentos e instalações: exige telefone e fax

Capital de giro: R$ 1.000 / Faturamento médio mensal: R$ 5.000
N° mínimo de pessoas trabalhando: 2 (o dono e 1 vendedor)
Risco: Baixo

Compartilhe
  


Um comentário em “Comércio de artigos para festas

  1. Boa tarde ,gostaria de saber qual e o valor que tenho que ter de capital para abrir uma loja desta e onde encontrar fornecedores !!obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *